O desafio das vendas: como o comércio se reinventa mais uma vez para a Páscoa

O desafio das vendas: como o comércio se reinventa mais uma vez para a Páscoa

As altas taxas de transmissão do Covid-19 em todo o Brasil, fizeram com que os estados, cidades e municípios adotassem medidas restritivas de circulação e funcionamento do comércio a fim de tentar reverter esse quadro, com isso o chamado lockdown entrou em cena. Diante desta situação, tanto o pequeno empresário quanto as grandes empresas tiveram que se reinventar mais uma vez com novas estratégias digitais, a fim de tentar alcançar seu público alvo indiretamente pela internet.

Analisando toda situação, vemos que o primeiro desafio de vendas do mercado diante a situação atual da segunda onda será agora na Páscoa, que, pelo segundo ano consecutivo, os comerciantes voltam suas forças para o e-commerce e vendas a partir de plataformas de delivery, divulgação em redes sociais e em sua comunidade local, oferecendo o serviço de take out.

As opções são muitas, desde as mais criativas como presentes personalizados, grandes descontos, compre e ganhe, clube de fidelidade, entre outras ações que o comércio do pequeno ao grande empresário com o objetivo de alavancar suas vendas.

Teoria na prática 

Existem muitas ofertas de produtos de Páscoa divulgadas nas redes sociais e o incentivo ao pequeno empreendedor, o famoso compre local. Para isso, um bom planejamento listando o que vai oferecer, como será a logística de entrega, a forma com ele vai chegar na casa do cliente, inovar com pequenas surpresas com mimos como recadinhos e brindes, entre outras iniciativas criativas e oferecer produtos e serviços exclusivos para o cliente, faz com que ele venha se sentir especial, tudo isso contribui para que no final ele venha ter um resultado assertivo.

Já as grandes empresas apostam em anúncios de descontos, tanto em apps próprios quanto em pedidos pré-agendados pelos sites, o que garante a assertividade no presente. O incentivo da compra pelas franquias, fazem com que o atendimento seja feito por mensagens, com objetivo de fazer uma venda exclusiva e personalizada, além de aproximar a partir da criatividade e com a forma que eles estão chamando a atenção do comprador a sua marca, gerando um relacionamento pessoal.

Dito essas sugestões e percepção das tendências e ações do mercado, é válido pontuarmos que a implementação de projetos de transformação digital acelerou a mudança de comportamentos de pessoas no mundo todo, exemplos disso são as influências dos negócios digitais (e-commerce por exemplo), o uso constante das novas tecnologias, o treinamento oferecido aos colaboradores dessas empresas para melhorar a comunicação com o cliente pelos meios digitais, além da influência pelo consumo local e sustentável. Logo, ficar atento a toda essa evolução mercadológica é de suma importância para a vida de seu empreendimento.

Por: Amanda Oseki, publicitária e professora de comunicação e marketing em mídias Digitais da Estácio

CATEGORIES
Share This

COMMENTS

Wordpress (0)
Disqus (0 )